quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Games históricos

Mais um site legal que encontrei navegando na net.
Como jogos agradam a garotada, nada melhor do que unir o útil ao agradável, onde podemos oferecer para as crianças, sites com games educacionais.
Sempre estou postando dicas por aqui, se vc tiver a sua, não deixe de me enviar.

Beijosss e espero que gostem!



quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Esclarecendo...



As crianças aqui em casa tem mania de disputar quem acorda mais cedo.
Uns acordam,mas muitas vezes são vencidos pelo soninho gostoso da madrugada e voltam a dormir...daí acabam "perdendo" a vez para o outro.
Então dia desses, Gui acorda de madrugada - por volta das 4:30 - e vem para minha cama.
Me acorda e pergunta a hora.
No outro dia de manhã vou trabalhar e qdo volto está a "confusão".
_ Mamãe, diga aos meninos...eu não fui o primeiro a acordar?
Qdo eu acordei hoje, ainda nem tinha "esclarecido". - diz.

Ai ai ai

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Que personagem é seu filho?


Seu filho está mais para Peter Pan ou para o leãozinho Simba? A astróloga paulista Silvia Bacci fez uma analogia bem interessante entre as características de alguns personagens da literatura infantil e o signo da criança. 
Os geminianos, por exemplo, são livres, leves e soltos, assim como o garoto Peter Pan. 
E seu pequeno, qual personagem melhor o representa? 
Descubra a seguir.

Áries
O carrinho de corrida Relâmpago McQueen, personagem principal do filme Carros, é vermelho como Marte, o planeta regente de Áries. Ele ama a velocidade, tem sede de vitória, é impulsivo e tem dificuldade de perceber a realidade ao seu redor, pois é muito voltado para si mesmo. Na cidade de Radiator Springs, ele conhece a equilibrada advogada Sally, um gracioso Porche, por quem McQueen se apaixona. Sally é seu complemento astrológico, uma típica libriana. Após passar por várias dificuldades, McQueen baixa a guarda e aprende com Sally a olhar um pouco além do próprio umbigo, percebendo os atrativos da cidade e de seus simpáticos habitantes. Ele revê seus valores e no final da história está tão mais maduro que abre mão de vencer uma corrida que já estava ganha em nome da integridade. McQueen está mais consciente de si mesmo e do próprio valor e não precisa mais de fatores externos para se afirmar.

Touro
O herói do filme Kung Fu Panda é o pacato Po, um panda guloso e corpulento. Seu destino parece ser dar continuidade aos negócios do seu pai, vendendo macarrão. Po está distante de alcançar seu ideal, que é ser um praticante de kung fu. Mas uma mãozinha do acaso o coloca diante do maior desafio da sua vida: ele é escolhido para ser o Dragão Guerreiro. Parece impossível que alguém bonachão, pouco ágil e de ritmo lento dê conta dessa missão. Mas Po não desiste, até mesmo quando é rejeitado pelo mestre e ridicularizado pelos colegas. Sua tenacidade taurina vai se revelando. O mestre percebe, então, como treiná-lo. Po é movido a instinto. A fome de viver, de amar e de obter da vida todo o conforto e prazer que ela pode oferecer é a força que mobiliza os taurinos. Po descobre que não existe ingrediente secreto, nem no famoso macarrão do seu pai nem para se tornar o Dragão Guerreiro. Basta acreditar em si e reconhecer os próprios recursos.

Gêmeos
Livre, leve e solto. Dessa forma vive Peter Pan, o menino que não quer crescer. O descompromisso e a jovialidade desse personagem, assim como o comportamento geminiano, podem ser associados à fase da adolescência. Nada melhor do que viver na Terra do Nunca, em que é possível brincar à vontade com os meninos perdidos e enfrentar o Capitão Gancho de vez em quando. Peter desafia e provoca seu opositor, parecendo menosprezar o perigo. Não é a força que garante sua vitória, mas a agilidade, física e mental. O combate é uma diversão, na qual ele irrita o Capitão Gancho até o seu limite. O jeito despreocupado e desapegado confere a Peter um charme irresistível. A ciumenta fada Sininho, a doce Wendy e a filha do chefe índio se derretem por ele. No entanto, se alguém tenta segurar ou prender um geminiano, ele rapidamente se torna tão escorregadio quanto um sabonete.

Câncer
O peixe-palhaço Marlin, pai do personagem-título do filme Procurando Nemo, é um autêntico canceriano. Traumatizado com a perda da mulher e de quase todas as suas ovas, Marlin superprotege seu único filho, Nemo, que aparenta ser frágil por ter uma barbatana menor do que a outra. Numa típica atitude canceriana, Marlin ensina Nemo a avançar e recuar continuamente para sair da anêmona onde vivem, até se certificar de que não há perigo. Sua postura defensiva em relação à vida, fruto do seu medo e da sua insegurança, acaba sufocando o seu amado filho, que o desobedece em busca de liberdade. É preciso que o destino os separe temporariamente para que Marlin reconheça a coragem e a capacidade de superação que possui. Somente após romper o cordão umbilical, ele pode perceber que Nemo é capaz de cuidar de si mesmo e enfrentar os desafios da vida.

Leão
O Rei Leão, assim como todas as histórias, mitos e lendas que podem ser associados a esse signo, tem como tema central a conquista da autoestima e a afirmação da personalidade. O Sol, regente do signo de Leão, simboliza o querer, o poder pessoal e o autorrespeito, cujo desenvolvimento é fundamental a todo ser humano. Os nativos de Leão precisam que alguém se orgulhe deles. O leãozinho Simba nasceu para ser rei, mas não consegue exercer esse direito até conquistar a confiança em si mesmo. Enganado pelo tio, que cobiça seu trono, ele pensa ter causado a trágica morte do próprio pai. Após muito tempo, Simba finalmente retorna ao seu local de origem para assumir a posição de rei e proteger seu povo. Foi preciso superar a culpa e elaborar a figura paterna para que ele pudesse entrar em contato com a sua força, a coragem e o espírito de liderança, qualidades essencialmente leoninas.

Virgem
Durante sua viagem ao País das Maravilhas, a menina Alice demonstra ser uma típica virginiana. O mundo mental é bastante privilegiado nesse enredo. Os jogos de palavras, as descrições minuciosas e as relações matemáticas sobre as quais Alice reflete fazem toda a diferença na composição dessa intelectual personagem. Enquanto vai caindo pelo buraco, ela procura organizar seus pensamentos de modo prático e tenta se certificar de que ainda é ela mesma por meio de lembranças e charadas. Alice é ponderada e sensata. Mesmo diante dos maiores absurdos que vão acontecendo, ela não perde a linha, nem quando está brava. Ao longo da história, a virginiana Alice analisa tudo o que vê pela frente, inclusive a si mesma. Ela recorre ao raciocínio lógico e à observação de detalhes para descobrir a melhor maneira de voltar para casa.

Libra
Charlie Bucket, de A Fantástica Fabrica de Chocolate, é um menino adorável. Ele vive na miséria com sua família e dá um duro danado, trabalhando como entregador de jornais. Como bom libriano, Charlie se expressa de modo suave e gentil. Ele não reclama da vida nem usa palavras rudes. Charlie não sente raiva das crianças que concorrem com ele durante a visita à fábrica, nem mesmo quando elas se mostram mimadas e intratáveis. Ao contrário, ele se preocupa com elas à medida que vão saindo de cena em consequência do próprio comportamento. Para os librianos, é mais natural pensar em “nós” do que somente no “eu”. Inicialmente, Charlie recusa a proposta milionária de Willy Wonka por não suportar a ideia de ter que abandonar a sua família. E dizer “não”, tratando-se de alguém do signo de Libra, exige bastante esforço.

Escorpião
A mensagem da clássica história O Corcunda de Notre Dame é não julgar pelas aparências. A decidida cigana Esmeralda encarna o personagem escorpiano na trama. Cheia de opinião e de atitude, ela vive em meio à escória de Paris e sabe se defender muito bem sozinha. A presença dos ciganos desafia a autoridade local, representada por Frollo, um homem cheio de falso moralismo. Quasímodo, o personagem principal que vive na Catedral de Notre Dame, causa repulsa e é alvo de deboche e preconceito devido à sua deformidade física. A cigana Esmeralda, no entanto, como boa representante do signo de Escorpião, não se intimida com o lado feio e duro da vida e não o discrimina. Esmeralda perturba a ordem estabelecida não só porque a afronta diretamente e é adepta do ocultismo, mas também porque sua sensualidade é tão intensa que abala a estrutura emocional do cruel Frollo.

Sagitário
Dom Quixote é a história de um aventureiro idealista. Nada poderia ser mais representativo para o signo de Sagitário. Na Espanha antiga, o fidalgo Dom Quixote teria lido tantos romances de cavalaria que perdeu a razão e passou a acreditar ser um cavaleiro andante, à procura da amada, Dulcineia. O enredo explora o contraste entre a imaginação do personagem central e a realidade que o cerca. Dom Quixote ganha, assim, o traço do exagero, característico de Sagitário. A nobreza de caráter, a generosidade e a fé desse personagem também são elementos típicos do temperamento sagitariano. Eles têm fama de sortudos, às vezes são ingênuos e, em geral, são beneficiados pelo seu habitual otimismo. Os nativos desse signo têm, na maioria das vezes, o coração bastante aberto para a vida. O sagitariano é sempre o herói da própria história, seja ela qual for.

Capricórnio
Os Três Porquinhos trata do conflito entre o princípio do prazer e o princípio da realidade. A história faz sucesso entre as crianças por transmitir, de modo simpático, a mensagem de que é melhor prevenir do que remediar. O porquinho Prático representa as qualidades do signo de Capricórnio. Ele demonstra ser o mais maduro e previdente dos irmãos. Os capricornianos são os construtores do zodíaco, e Prático não é nada negligente na execução de sua obra. Ele prevê as dificuldades que podem acontecer se sua casa não for sólida o suficiente, pois é capaz calcular os movimentos do lobo. Prático é o filho mais velho e, em algumas versões da história, acolhe os irmãos na casa de tijolos como um verdadeiro pai, livrando-os do perigo. Os capricornianos não fogem ao dever nem às responsabilidades, que muitas vezes incluem dar apoio e proporcionar estrutura ao seu grupo familiar.

Aquário
O excêntrico Willy Wonka, de A Fantástica Fábrica de Chocolate, é certamente um aquariano. Esse livro, que deu origem a dois filmes, já foi chamado de ficção científica para crianças, o que demonstra a originalidade e o caráter futurista da história. Wonka é um sujeito de humor ácido e incomum, que adora surpreender os outros com atitudes e comentários totalmente imprevisíveis. Magoado pela incompreensão na infância e pela traição de seus operários, Wonka criou um mundo à parte para si mesmo na fábrica de chocolates, onde vive com os exóticos Oompa Loompas. Ele busca um sucessor para comandar a fábrica, já que não tem filhos, pois não é um homem comum. Deliciosamente visionário, mas também estranhamente impessoal. Assim é Wonka. Nele a ironia e a genialidade caminham juntas ao não-convencionalismo, revelando o signo de Aquário.

Peixes
Gentil, romântica e sonhadora, Cinderela vive uma situação de vítima desde que ficou órfã de pai e é explorada pela madrasta e pelas meias-irmãs. Seu encontro com o príncipe é repleto de magia e, como toda a ilusão, termina. E a Gata Borralheira volta à sua rotina de viver entre as cinzas. Com a chegada do emissário real, ela é trancada no quarto pela madrasta para que não ofusque suas filhas. Não é raro que o pisciano se veja desafiado a sair das sombras para mostrar seu potencial. Por pouco, Cinderela não teve que sublimar sua paixão. Fugindo do quarto, ela tem a chance de mostrar ao príncipe que, mesmo sendo uma moça humilde, é interiormente alguém muito especial. São os pés, que na anatomia correspondem ao signo de Peixes, que salvam a protagonista, permitindo que ela seja identificada como a moça que encantou o príncipe.

Então aqui em casa temos os seguintes personagens:

O Prático, dos 3 porquinhos - Vini
A cigana Esmeralda, do Corcunda de Notre Dame - Júlia
Po, o panda do Kung Fu Panda - Gui e Lucas

E seus filhos?
Que personagens eles são?

Fonte: bebe.com.br

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Dia da Internet Segura

Em minha infância eu brincava de boneca.
Dava banho, penteava os cabelos, trocava as roupinhas dela, colocava para dormir.
Eu também gostava de jogar. Tínhamos vários jogos em casa.
A gente tirava fotos, tínhamos albuns  e mais albuns...inclusive aqueles que minha mãe guarda até hj e insiste em mostrar "como éramos lindos". Ninguém Merece!
Na minha infância eu tinha amigos.
Crianças que brincavam comigo de boneca, de jogo, de forca, de corrida...de qualquer coisa que quiséssemos.

Hoje quem vive essa infância são meus filhos.
Eles também brincam de boneca, de jogos, de corrida...
Mas minha filha veste bonecas no computador...troca de roupa, alimenta, cuida, coloca para dormir...
Meu filho mais velho conhece  e participa de quase todos jogos da internet
E os  menores?São bons no basquete, voley, corrida, surf,
Passam horas traçando planos estratégios para as vitórias dos jogos além de gerenciar um restaurante onde servem pratos e mais pratos...

Ou seja...
As crianças desse geração tb brincam...de tudo o que a minha geração brincou.
Só que através da tela.
Na internet hoje, as crianças brincam de boneca, de cartas,  forca,  casinha, de carros...
Ou seja, nossos filhos são nativos digitais.
Eles nasceram nesse mundo...conhecem o computador como niguém, e sabem utilizar as ferramentas com precisão e segurança.

Conheço alguns pais que dizem algo o tipo "meu filho sabe mais do que eu no computador...eu nem sei mexer nisso..."
Então lhes digo...
Se nao sabe mexer, está na hora de aprender.
Peça a seu filho para ensinar.
Os pais hojem costumam deixar os filhos horas e horas na frente do computador pq os mantem quietos, em casa, "seguros".
Essa é a falsa idéia de segurança.
Criança que passa o dia no computador, sem a supervisão de um adulto, não está em segurança.Ela corre tanto perigo qto a que passa o dia na rua.
O computador pode ser uma ferramenta maravilhosa para nossos filhos.
Meus filhos hoje sabem digitar com rapidez, entender textos em Inglês, coisas que eu não sabia fazer até algum tempo atras .Isso graças ao auxilio digital, que proporciona um avanço tecnológico nas crianças.
A internet pode sim ser saudável, contanto que os pais estejam presentes, conectados com o novo mundo infantil.
As crianças participam de comunidades, teem orkut, enviam e recebem fotos, conhecem pessoas, conversam com elas...isso tudo pela net.
É nossa OBRIGAÇÃO protegê-las e orientá-las para esse mundo de informações.
Se vc que é pai, não sabe dominar o computador..sente com seu filho, pergunte o que ele faz, com quem ele conversa, o que ele tanto joga.
PARTICIPE.
Afinal, o que acontece com nossos filhos é de nossa inteira RESPONSABILIDADE.

Hoje, 8 de fevereiro é o dia internacional da segurança na internet.
Mas façamos esse dia, todos os dias.
Como diz a campanha esse ano, "estar on line é mais que um jogo, é a sua vida"
Então, como mãe e cidadã digital  me sinto motivada a divulgar essa campanha, que estimula atividades de promoção do uso responsável e seguro da internet nas principais regioões do Brasil e do mundo.
Aqui no blog, disponho de uma cartilha de segurança na internet, uma alerta aos pais.
Vc pode fazer o DOWNLOAD aqui.

Abaixo, um video sobre os riscos que nossos filhos correm dentro da propria casa, na falsa idéia que os pais tem de segurança.



Repassem esse alerta.
Por uma internet mais segura para nossos filhos!

domingo, 6 de fevereiro de 2011

À prova de Bullying

O que mais me incomoda a respeito da escola nova, é o fato de que meus "pequenos" estarão "misturados" com os grandões.



Sim, é isso.Prontofalei!
Na escola em que estudavam só tinha até o fundamental I, então era uma das coisas que me tranquilizava.
Agora não.
Além de tudo ser novidade para eles, ainda se deparam a cada corredor, com crianças mais velhas,adolescentes de várias tribos...os valentões, os nerds, as patricinhas, os emos...
Então fico pensando se isso é superproteção...
Qdo eles chegam da escola, fico horas e horas perguntando como foi, se conversaram com os colegas, o que aprenderam, se lancharam...qdo na realidade o que mais me preocupa é ouvir algo do tipo, "mãe, o pessoal do ano tal mexeu comigo!"...
Morro de preocupação.Fico aflita mesmo.
Sei que devemos criar nossos filhos para o mundo...mas não devemos nos preocupar com o convivio escolar?

Sempre leio revistas e blogs maternos, e sempre que encontro algo legal gosto de publicar aqui.
Encontrei ontem na Pais e Filhos uma reportagem bem legal sobre Bullying, um dos males que atinge muitas crinças na fase escolar.

Segue abaixo a reportagem:


SEU FILHO ANDA SENDO PERSEGUIDO PELOS VALENTÕES DA ESCOLA? SAIBA COMO 

AGIR PARA QUE ELE POSSA SE PROTEGER

POR SAMANTHA MELO, FILHA DE SANDRA E TIÃO


O termo bullying está na moda. A palavra difícil, que não tem tradução exata para o português, se refere àquela violência “malvada” que algumas crianças praticam contra as outras. Isso pode acontecer por meio de assédio verbal (xingamentos, ridicularização), agressão física ou exclusão social. Todo mundo já viu isso acontecer na escola, mas os pais costumavam se preocupar a partir da pré-adolescência, lá pelos 11 ou 12 anos.

Agora tem sido recorrente entre crianças cada vez mais novas. De acordo com um estudo feito pela Abrapia (Associação Brasileira Multiprofissional de Proteção à Infância e à Adolescência), 45% das crianças em idade pré-escolar (entre 2 e 6 anos) sofrem bullying. As consequências podem ser bem traumáticas: baixa auto-estima, ansiedade e depressão, além do mau desempenho escolar. Seu filho está sendo perseguido e você não sabe o que fazer? Veja dicas de como ajudar as crianças a lidar com a situação.

Fale com o professor do seu filho

Se o assédio acontece na pré-escola ou jardim de infância, avise os responsáveis pela turma imediatamente. Muitas escolas possuem um protocolo específico para intervir nesses casos. Quando relatar o incidente, seja específico sobre o que aconteceu e quem estava envolvido.

Contate os pais do agressor

Esta é a abordagem correta apenas para os atos de intimidação persistentes e se você sentir que estes pais serão receptivos. Telefone ou mande um e-mail de forma amigável, deixando claro que seu objetivo é resolver o problema juntos.

Treine seu filho a procurar ajuda

Contra-atacar geralmente não é a melhor solução. Em vez disso, ensine-o a se afastar e a procurar ajuda de um professor ou um adulto responsável. Para evitar ser assediado no ônibus escolar, sugira que ele se sente ao lado de amigos, pois os provocadores não costumam escolher uma criança que faz parte de um grupo.

Use linguagem corporal positiva

Há alguns truques que farão do pequeno um alvo menos convidativo. Diga a seu filho para sempre olhar os colegas nos olhos, nunca abaixar a cabeça, mesmo quando estiver confrontando um colega. Isso o fará parecer mais confiante. Também o ajude a praticar uma cara de bravo e usá-la se estiver sendo incomodado. O modo como a criança olha para o “valentão” é mais importante do que o que ela diz.

Pratique um roteiro

Ensaie com o pequeno a forma correta de responder a uma provocação. Ensine-o a falar com uma voz forte e firme – lamentar ou chorar só vai incentivar um valentão. Sugira que ele diga algo como "pare de me incomodar!" ou "eu não vou brincar com você se você agir assim." Ele também pode tentar: "Sim, tanto faz", e depois sair andando. O importante é que a resposta não seja passiva, pois isso incentivará o autor do bullying.

Elogie os progressos

Quando seu filho disser como desafiou um valentão, diga-lhe que você está orgulhoso. Se souber de outra criança incomodando o seu filho, incentive que ele use a mesma abordagem que já deu certo.



Consultoria: Cleo Fante, mãe de Amanda, é pesquisadora do Bullying Escolar e autora do Programa

"Educar para a Paz"

sábado, 5 de fevereiro de 2011

Nosso jornalzinho...

Dia desses qdo cheguei em casa, vi os meninos no meu computador, cada um que gargalhasse mais que ooutro... perguntei o motivo de tanta risada.

"_ Mamãe, muuuuuito legal esse nosso blog que vc faz!
A gente fica lendo e lembrando das coisas que a gente faz.É muito engraçado!
Fica parecendo nosso jornalzinho."


Estavam lendo todo o conteúdo do blog...e se divertindo à beça.



Volta às aulas

Essa semana começaram as aulas do quarteto.
Estão super empolgados..escola nova, farda nova...amigos novos...enfim, tudo novinho em folha.
A novidade tb é que justamente nesse mesmo dia, TODOS começaram a usar óculos, com exeção de Vinicius, que já usava desde o ano passado.
Ao contrário dos outros anos, estão estudando na parte da tarde...o que eu acabei nem gostando muito...mas enfim, como tudo é novidade, até o horário agradou.
Eu, como mãe corujíssima que sou, acompanhei minha prole à sua nova escola.
Claro, fotografei o que pude...pois não queria fazer meus filhos pagarem mico, com a mãe xarope ao lado fotografando...kkkkkkk

Seguem algumas foticas desse dia tão esperado: