sábado, 13 de fevereiro de 2010

Lancheira nota 10

Na escola em que meus filhos estudam , é oferecido o  lanche, então pelo menos não me preocupo em preparar 4 lancheiras diariamente.
Mas sempre vejo nas lancheiras dos coleguinhas muito suco de caixinha, biscoito recheado, salgadinhos, chocolates, sendo comidos diariamente...
Nossa!!
Então encontrei na net, uma orientação  sobre o que as crianças devem comer nos lanches , e uma dica para como montar a lancheira.

A alimentação é um dos fatores mais importantes para a saúde de crianças e adolescentes. Nos primeiros anos de vida, uma dieta qualitativa e quantitativamente adequada é essencial para o crescimento e desenvolvimento e proporciona ao organismo a energia e os nutrientes necessários para a manutenção de um bom estado de saúde.

No período escolar a criança apresenta um gasto energético significativo e necessita de energia para desenvolver de forma positiva as atividades exigidas na escola, como a concentração, a memorização, o aprendizado e as atividades físicas cotidianas.

Para a escolha dos alimentos da lancheira é importante que se respeite os hábitos e preferências das crianças, sem esquecer de considerar os aspectos nutricionais e a qualidade do alimento que será consumido.

Primeiramente, é importante que o alimento esteja seguro para o consumo na hora do recreio, sem que haja risco de deterioração do mesmo. Para isso, as lancheiras térmicas são as mais adequadas. Ainda, deve-se evitar alimentos que estragam com facilidade, como os frios gordurosos, a manteiga, a margarina e a maionese.

Um lanche da escola ideal deve apresentar alimentos dos 3 grupos alimentares em sua composição:

- carboidratos: estão presentes nos alimentos que fornecem energia. Boas opções são os pães, bisnaguinhas, biscoitos sem recheio e bolo simples sem recheio e cobertura;
- proteínas: fundamentais para o crescimento da criança. Podem ser encontrados no leite e derivados (também fontes de cálcio) e carnes e embutidos (peito de peru, presunto magro);
- vitaminas e minerais: essenciais para o desenvolvimento de todas as funções do corpo e para a manutenção do sistema de defesa do organismo. Suas fontes são: frutas, verduras e legumes.

Para distribuir de forma harmoniosa todos estes alimentos no lanche da escola, podemos montar a lancheira da criança da seguinte forma:

- 1 bebida:

Importante para a reposição da perda de líquido.
Para manter a temperatura dos líquidos e garantir a qualidade da bebida, é importante acondicioná-los em garrafas térmicas ou optar pelos sucos de caixinha ou engarrafados.
Boas opções são: água de coco, sucos naturais ou aqueles produzidos com a própria fruta. 
Se preferir o leite ou iogurte: mantê-los em garrafas e lancheiras térmicas ou averiguar se a escola pode armazená-lo em geladeira até o horário do lanche. 

- 1 sanduíche ou bolo ou biscoitos:

Os bolos e biscoitos são boas fontes de carboidrato, porém podem ter muita gordura e açúcar quando oferecidos nas versões recheados ou com coberturas. O ideal é preferir os biscoitos salgados (preferindo sempre os integrais) ou doces sem recheio: leite, coco, chocolate, baunilha, sequilhos ou maisena. Broas, bolo de fubá, bolos simples e a base de frutas também são boas opções.

Os sanduíches devem ser montados pouco tempo antes de sair de casa para se manterem mais frescos. É importante embrulhar bem com papel filme e evitar que interfira no sabor dos outros alimentos da lancheira. O ideal é optar por uma lancheira térmica e garantir melhor a qualidade dos alimentos. Em dias muito quentes, optar por outra fonte de carboidrato e evitar o risco de contaminação.

Dicas para o sanduíche:
- Preferir pão integral e variar o tipo de pão: forma, bisnaguinha, torrada, sírio, francês ou de leite
- Para o recheio: queijo branco, cream cheese, requeijão, peito de peru, presunto magro, queijo cottage, polenguinho, mussarela ou queijo prato.

- 1 fruta:

As melhores opções são as frutas que podem ser consumidas com casca ou quando a casca pode ser retirada com facilidade como: banana, maçã, pêra, goiaba, uva, tangerina e morango.
Se preferir as frutas picadas, procure acondicioná-las em pote de plástico com tampa e de preferência picá-las bem próximo à hora de sair de casa. As opções são: kiwi, manga, abacaxi, mamão, melão, melancia.

É importante variar e oferecer diferentes tipos de frutas durante a semana. Procure oferecer frutas de cores diferentes e, dessa forma, garantir o acesso da criança a todas as vitaminas.

Dicas importantes:

- Evitar os alimentos ricos em gordura e doces com frequência. Biscoitos recheados, salgados fritos, salgadinhos e massas folhadas devem ser consumidos eventualmente;
- Chocolates, balas, pirulitos e outras guloseimas devem ser evitados e oferecidos eventualmente;
- Se optar pelos alimentos industrializados, leia sempre o rótulo dos alimentos e prefira os produtos que são livres de gordura trans e sem corantes e conservantes.

Aqui, uma sugestão de cardápio para a semana:

Segunda-feira
* Suco de laranja batida com morango
* 2 bisnaguinhas recheadas de peito de peru e queijo tipo Polenguinho
* Mix de castanhas (existem à venda aquelas que são assadas com açúcar. As crianças adoram.)

O QUE OFERECE: as frutas são fontes de vitaminas. O lanche, de proteínas e cálcio, e as castanhas garantem boa dose de fibras.

Terça-feira
* 1 caixinha de achocolatado
* Lanchinhos de bolacha cream-cracker recheada com requeijão e geléia de frutas (do sabor preferido de seu filho)
* Melancia picada

O QUE OFERECE: apesar de ter açúcar, o achocolatado é boa fonte de energias, que seu filho vai precisar muito, e cálcio. A bolacha com requeijão e geléia fornece proteínas e vitaminas, assim como a melancia, que também repõe os líquidos do corpo.

Quarta-feira
* 1 potinho de iogurte
* Bolo de cenoura com cobertura de chocolate
* Maça picadinha (para não escurecer, passe no limão ou na laranja)

O QUE OFERECE: o iogurte é fonte de proteína e cálcio. O bolo de cenoura fornece betacaroteno, energia e é uma delícia, vamos combinar. A maça, vitaminas e fibra.

Quinta-feira
* Água de coco
* Lanche no pão de beterraba com patê de atum e requeijão.
* 1 barrinha de cereais

O QUE OFERECE: Água de coco é ótima para hidratar o corpo, é rica em nutrientes e potássio. A beterraba presente no pão é rica em ferro, açúcares, vitaminas e sais minerais. A barrinha de cereais fornece, entre outras coisas, fibras.

Sexta-feira
* Suco de goiaba
* 3 bolachas sem recheio
* Mamão cortado em cubos

O QUE OFERECE: A goiaba é uma boa fonte de vários tipos de vitaminas (A, B1). O mamão fornece fibras, e as bolachas, energia.

Fonte: Revista Pais e Filhos


Um comentário:

  1. Nossa por acaso achei o seu blog e fiquei maravilhada com tudo que vi nele vc ta de parabens vc e uma mae maravilhosa.
    Eu estava pesquizando sobre as pulseras do sexo quando achei seu blog e quero te dizer que se todas as maes pudesem ser atentas como vc o nosso mundo seria um mundo bem melhor mas hoje tudo ta liberado.minha mae tem uma vizinha que tem tres filhas uma de 6 outra 9 e outra de 15 a de 9 ea de 15 ja tem namorado a de 15 leva o namorado pra dormir com ela em casa isso significa que ta rolando algo ne mas a mae dela fala que e melhor levar pra casa do que ficar na rua eu penso que se a de 15 faz e deixa a de nove ver a de nove tambem logo vai ta fazendo tambem mas e como a mae dela mesmo diz cuida da tua vida que eu cuido da minhas. Eu tenho e pena porque perde a inocencia tão cedo que quando creçe faca com depreçao nao tem uma vida saldavel não tem estrutura tem um monte de filhos que não da conta de sustentar em fim não e feliz.
    Eu tenho 22 anos tenho um finho de 4 anos e sou casada sou apaixonada pelo meu filho e pelo meu marido e acradeço todo dia a DEUS por ter me dado esta familia. Beijos ate mais

    ResponderExcluir