segunda-feira, 24 de julho de 2017

Escola

Não vou mentir...mas meu coração estranhou bastante essa de meus filhotes irem pra escola sozinhos.
Gui e Lucas estudam praticamente na esquina de casa, vão caminhando todo dia.
Estão gostando de estudar próximo, de ir e vir a pé, adoram a independência que estão vivendo.
Alguns dias da semana almoçam na escola, pois estudam na parte da tarde tb.
Foram muito bem recebidos pela turma e por toda a escola...meu coração se acalmou, sabendo que estão bem.
Júlia estuda um pouco mais longe que os meninos.Vai para a escola de ônibus(aqui chama-se autocarro), e estou muito feliz e orgulhosa com a independencia que ela está.
Logo no primeiro dia de aula, já foi sozinha para a escola, se apresentou, conheceu as melhores amigas de infancia para sempre(kkkk).Na sala dela tem um grupo de meninas brasileiras, que logo a acolheram, tem uma indiana que não sabe nem falar inglês.
Júlia a está ajudando no que pode, e traduzindo até mesmo o que as professoras falam em sala para ela.

Uma coisa que adorei por aqui:

A aula é dada em português, os professores se comunicam tb em inglês,pois tem aluno de várias nacionalidades nas salas.
Para os alunos que estão aprendendo em inglês, as provas são feitas em inglês.
Os alunos que não falam portugês, assistem uma aula de português básico, para que aprendam a lingua portuguesa para a comunicação.Achei fantástico.
A indiana, por exemplo...que não sabe bulhufas de português, está fazendo o português para aprender absolutamente tudo.


Vini é o que estuda mais distante aqui de casa.
Também vai de ônibus para a escola, e assim como Julia, foi sozinho para a escola desde o primeiro dia.Chegou, se apresentou, saiu em busca de informações e resolveu as coisas.
Me enche de orgulho, afinal, no Brasil não faziam nada disso.Não andavam de ônibus, não compravam coisas, não resolviam nada sozinhos.
Aqui, mesmo em meio ao desconhecido, encararam sem medo, e se meteram mesmo a ser independentes.

Estou muito feliz por eles, e pelas coisas que estão vivendo e aprendendo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário